JOGO TEATRAL: O “CLOWNEAR” COMO POSSIBILIDADE DE EXPERIÊNCIA DE ÓCIO NA VELHICE

Kleber José dos Santos, Gillian Grace Owen Moreira, José Clerton de Oliveira Martins

Resumo


Na contemporaneidade, quando vivemos o fenômeno da longevidade, refletir sobre velhice e vida com qualidade é, de certo modo, “refletir sobre uma população que deve encontrar uma forma de realização no ócio, ou, em todo caso, sobre um tempo que é socialmente considerado como tempo de ócio” (CUENCA, 2009, p. 243). O artigo, ora proposto, visa apresentar parte de uma investigação empírica desenvolvida no âmbito dos Estudos Culturais – O “clownear” enquanto experiência lúdico-criativa potencializadora da vida na velhice – que teve como objetivo: verificar de que forma um processo de criação do clown aplicado com idosos pode possibilitar bem-estar e vida com qualidade. Nesta investigação o nosso desafio consistiu em criarmos um espaço/tempo de vivências prazerosas, satisfatórias e divertidas, voltado para a recriação de valores essenciais para uma velhice com qualidade, como a liberdade, a autonomia, a autoaceitação, a autoestima, o autoconhecimento, a autoexpressão e a autorealização, onde os componentes físico, mental, social e cultural abrangem todos os domínios de satisfação e de realização pessoal. Valores estes, que apontam para o ócio e para as reivindicações urgentes e próprias da velhice, tais como: a subjetividade, a interação social, a saúde, a eficácia cognitiva, o bem-estar e a satisfação com a vida.


Palavras-chave


Velhice; Ócio; Jogo Teatral; Clown.

Texto completo:

PDF



Revista Brasileira de Estudos do Lazer | RBEL
Associação Brasileira de Pesquisa e Pós-graduação em Estudos do Lazer | ANPEL

Endereço, telefone e e-mail de contato:
Endereço: UFMG - RBEL/CELAR/EEFFTO | Av. Antonio Carlos 6627 – campus UFMG, EEFFTO/DEF. Pampulha, Belo Horizonte, Minas Gerais, Brasil. CEP: 31.270-901
Telefone: 31 34092358
E-mail: rbel@eeffto.ufmg.br