GREVE, EDUCAÇÃO E SINDICATO FACE À GLOBALIZAÇÃO DA ECONOMIA

Rosilene Horta Tavares

Resumo


Assistimos a um estágio do capitalismo marcado por sua espetacular capacidade de expansão por todo o globo terrestre. Nesse movimento, arrasta empecilhos, aglutina possibilidades, devasta interesses e direitos, coopta membros das organizações de esquerda. Vem determinando, também, inevitável decréscimo do papel do Estado tradicional como coordenador das condições gerais de produção.

Palavras-chave


Greve; Educação; Globalização

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexação:

                       

 

BBE – Bibliografia Brasileira de Educação / CIBEC/INEP / MEC

DIADORIM/IBICT – Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras

SEER/IBICT – Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas

SUMÁRIOS.ORG – Sumários de Revistas Brasileiras

EZB – Elektronische Zeitschriftenbibliothek / Alemanha

IRESIE – Índice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (Instituto de Investigaciones sobre la Universidad y la Educación / Universidad Nacional Autónoma de México)

LATINDEX (UNAM) – Sistema Regional de Información em Línea para Revistas Científicas de América Latina, El Caribe, España y Portugal

OEI – Organización de Estados Iberoamericanos para la Educación, la Ciencia y la Cultura