CLÍNICAS DO TRABALHO: ABORDAGENS E CONTRIBUIÇÕES DA ANÁLISE INSTITUCIONAL AO PROBLEMA CLÍNICO DO TRABALHO | Work Clinics: approaches and contributions of the Institutional Analysis to the clinical problem of work

Maria Elizabeth Barros, Fernanda Spanier Amador

Resumo


The article presents different approaches that focus on work-subjectivity connections, highlighting their methodological proposals and their ways of of positioning the clinical problem of work. It develops aspects related to the institutional level involved in health, suffering and illness processes related to work.

___

O artigo apresenta abordagens que visam às conexões trabalho-subjetividade, destacando suas propostas metodológicas e seus modos de posicionar o problema clínico do trabalho. Desenvolve aspectos relativos ao plano institucional envolvido nos processos de saúde, sofrimento e adoecimento relacionados ao trabalho.


Palavras-chave


Clínicas do trabalho; Atividade; Análise institucional; Clinics of Work; Activity; Institutional Analysis

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Indexação:

                       

 

BBE – Bibliografia Brasileira de Educação / CIBEC/INEP / MEC

DIADORIM/IBICT – Diretório de Políticas de Acesso Aberto das Revistas Científicas Brasileiras

SEER/IBICT – Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas

SUMÁRIOS.ORG – Sumários de Revistas Brasileiras

EZB – Elektronische Zeitschriftenbibliothek / Alemanha

IRESIE – Índice de Revistas de Educación Superior e Investigación Educativa (Instituto de Investigaciones sobre la Universidad y la Educación / Universidad Nacional Autónoma de México)

LATINDEX (UNAM) – Sistema Regional de Información em Línea para Revistas Científicas de América Latina, El Caribe, España y Portugal

OEI – Organización de Estados Iberoamericanos para la Educación, la Ciencia y la Cultura